Clínica Longevus - Centro de Estudos do Envelhecimento e Medicina Estética

TELÔMERO & TELOMERASE

TELÔMERO & TELOMERASE
"Descobertas mundiais sobre o antienvelhecimento são temas de estudos da clinica longevus"

A cada dia a ciência avança no controle da longevidade do ser humano.

Está comprovado que nós envelhecemos porque nossos telômeros encurtam. Foi a esta afirmativa que chegaram Dra.Elizabeth Blackburn ,Dra Carol Greider e Dr. Jack Szostak, cientistas que ganharam o premio Nobel de medicina em 2009 com estudos sobre telômeros.

As pessoas são formadas por células, que possuem o núcleo e dentro do núcleo estão os cromossomos. A porção terminal do cromossomo chama-se. Na concepção do ser humano,o têlomero tem 15 mil pares de bases.No nascimento o têlomero conta com 10 mil pares de base e quando envelhecemos e morremos o têlomero estará com 5 mil bases.Todas as vezes que a célula se divide,o têlomero se encurta.É o processo de envelhecimento celular.

Pode-se acelerar e retardar o encurtamento do têlomero,mas ainda não se consegue interromper o seu encurtamento.A enzima telomerase impede o encurtamento do telomero,descobriu o pesquisador Dr. Bill Andrews.Ele também investiga 35 drogas ativadoras da telomerase para impedir o encurtamento do têlomero depois de já ter feito triagem de 230 mil drogas para este fim.

EXAME LABORATORIAL

Um exame laboratorial já está disponível para se medir o tamanho dos têlomeros e assim  avaliar o envelhecimento biológico dos pacientes.Outro beneficio ainda maior  deste exame será para avaliar a evolução de certas doenças degenerativas como o câncer.

Vários estudos científicos foram feitos para avaliar quais hábitos de vida interferem no encurtamento dos têlomeros.chegou-se  a seguinte conclusão:a prática de exercícios físicos,uso de antioxidantes,uso de omega3,não fumar,não ser obeso,a redução do estresse emocional e da depressão e a redução do pessimismo retarda o encurtamento dos telômeros.

Quanto mais os indivíduos se exercitam mais eles alongam os telômeros, os atletas têm telômeros muito mais longos que os sedentários.Má alimentação e obesidade encurtam o telômero.

A reposição do HGH-Hormônio do crescimento humano provoca o encurtamento do telômero e consequentemente levará, em longo prazo, a uma diminuição da longevidade do paciente, afirma o médico nutrólogo e diretor técnico da Clinica Longevus-Centro de Estudos do Envelhecimento e Medicina Estética  Dr.Luiz Marques Filho para o médico esta nova teoria é polêmica,pois o HCG estimula a renovação celular no organismo e todas as funções são melhoradas com o aumento de massa muscular,melhora da pele,do cabelo,da libido.Daí o paciente sente-mais rejuvenescido.Mas a outra face da moeda recém descoberta é o HGH diminui a longevidade do individuo,por promover o encurtamento do telômero.

Um nutraceutico patenteado com o nome de TA-65 ,descoberto pelo mesmo cientista que descobriu a telomerase ,Dr. .Bill Andrews,já sendo usado como indutor da telomerase ,ou seja,para impedir o encurtamento da telomerase.Nos estudos os pacientes passaram pelo exame da medição do telômero e observou-se o aumento dos telômeros nestes indivíduos.


Mais artigos »

Fatal error: Uncaught exception 'PowerCMS\Exception\PowerExceptionFatalError' with message 'PHP Startup: Unable to load dynamic library '/usr/local/php/5.6/lib/php/extensions/no-debug-non-zts-20131226/newrelic.so' - /usr/local/php/5.6/lib/php/extensions/no-debug-non-zts-20131226/newrelic.so: cannot open shared object file: No such file or directory' in /home/clinicalongevus/www/PowerCMS/autoload.php:48 Stack trace: #0 [internal function]: powercms_exception_error_handler_fatal() #1 {main} thrown in /home/clinicalongevus/www/PowerCMS/autoload.php on line 48